Fishing practices and ethnoichthyological knowledge in the fishing community of Miguel Alves, Piauí, Brazil

  • Kelly Polyana Pereira SANTOS Universidade Federal do Piauí – UFPI, Programa de Pós-graduação em Desenvolvimento e Meio Ambiente, Núcleo de Referência em Ciências Ambientais do Trópico Ecotonal do Nordeste - TROPEN, Campus Ministro Petrônio Portella
  • Irlaine Rodrigues VIEIRA Universidade Federal do Piauí – UFPI, Programa de Pós-graduação em Desenvolvimento e Meio Ambiente, Núcleo de Referência em Ciências Ambientais do Trópico Ecotonal do Nordeste - TROPEN, Campus Ministro Petrônio Portella http://orcid.org/0000-0002-0380-5715
  • Nelson Leal ALENCAR Universidade Federal do Piauí – UFPI, Departamento de Biologia, Laboratório de Etnobiologia e Ecologia Vegetal – LEEV, Campus Ministro Petrônio Portella http://orcid.org/0000-0002-7565-5090
  • Romildo Ribeiro SOARES Universidade Federal do Piauí – UFPI, Departamento de Biologia, Laboratório de Etnobiologia e Ecologia Vegetal – LEEV, Campus Ministro Petrônio Portella
  • Roseli Farias Melo de BARROS Universidade Federal do Piauí – UFPI, Programa de Pós-graduação em Desenvolvimento e Meio Ambiente, Núcleo de Referência em Ciências Ambientais do Trópico Ecotonal do Nordeste - TROPEN, Campus Ministro Petrônio Portella / Universidade Federal do Piauí – UFPI, Departamento de Biologia, Laboratório de Etnobiologia e Ecologia Vegetal – LEEV, Campus Ministro Petrônio Portella

Abstract

Fishing communities acquire a wealth of knowledge through their activities and interactions with the aquatic environment. This study characterized the ethnoichthyological knowledge, fishing tackle and fishing practices of a traditional fishing community in Miguel Alves, Piauí. Data was collected through semi-structured interviews, ichthyological specimen collection, direct observations and photographic records. Gender and age groups were compared in terms of Shannon-Wiener Diversity Index of citations and correlation between age, time in the trade and citation abundance was tested using Pearson’s correlation coefficient. A total of 42 species were identified in six orders and 20 families with Pimelodidae, Cichlidae and Serrasalmidae being the most representative. The traíra (Hoplias malabaricus), barred sorubim (Pseudoplatystoma fasciatum) and the piranha (Pygocentrus nattereri) were the most frequently mentioned species. Gill nets, fish-hooks and cast nets were the most frequently used types of fishing tackle. Men and women had similar ShannonWiener Index values, while significant differences were found between youths and other age groups (adults and elderly). Age and time in the trade were weakly correlated with the number of cited fish species. This study shows that local knowledge was mainly acquired through traditional fishing activities.

References

ALMEIDA, D.M.; SILVA-OLIVEIRA, E.C.; ALVES, R.R.N. 2014 Ethnoichthyology of fishermen community from the praia da Penha, in João Pessoa City, Paraíba, Brazil. Brazilian Journal of Biological Sciences, 1(2): 39-49.http://dx.doi.org/10.21472/bjbs.010202.

ALVES, P.M.F.; ARFELLI, C.A.; TOMÁS, A.R.G. 2012 Selectivity of bottom gillnet of southeastern Brazil. Boletim do Instituto de Pesca, 38(4): 275-284.

AMORIM, A.N. 2010 Etnobiologia da comunidade de pescadores artesanais urbanos do bairro Poti Velho, Teresina/PI, Brasil. Teresina. 122f. (Dissertação de Mestrado. Programa de Pós-graduação em Desenvolvimento e Meio
Ambiente, UFPI). Available from: AMORIM,%20A_N_%202010%20-%20impress%C3%A3o.pdf>.Access on: 20 oct. 2016.

AURICCHIO, P.; SALOMÃO, M.G. 2002 Técnicas de coleta e preparação de vertebrados para fins científicos e didáticos. Rio de Janeiro: Papel Virtual. 348p.

BARBETTA, P.A. 2006 Estatística aplicada às Ciências Sociais. 6a ed. Florianópolis: Ed. da UFSC. p. 315.

BARBOZA, R.S.L.; PEZZUTI, J.C.B. 2011 Etnoictiologia dos pescadores artesanais da Resex Marinha Caeté - Taperaçu, Pará: aspectos relacionados com etologia, usos de hábitat e migração de peixes da família Sciaenidae. Sitientibus, 11(2): 133-141. http://dx.doi.org/10.13102/scb104.

BASILIO, T.H.; GARCEZ, D.S. 2014 A pesca artesanal no Estuário do Rio uru, Ceará, Brasil: saber local e implicações para o Manejo. Actapesca, 2(1): 42-58

BERNARD, H.R. 1988 Research methods in cultural anthropology. Newbury
Park: Sage. 520p.

BORCEM, E.R.; FURTADO-JÚNIOR, I.; ALMEIDA, I.C.; PALHETA, M.K.S.;
PINTO, I.A.A. 2011 Atividade pesqueira no município de MarapanimPará, Brasil. Revista de Ciências Agrárias, 54(3): 189-201.

BRASIL. Lei Federal nº 10.779, de 25 de Novembro de 2003. Dispõe sobre a concessão do benefício de seguro desemprego, durante o período de defeso, ao pescador profissional que exerce a atividade pesqueira de forma artesanal. Diário Oficial da União, Brasília, 2003. Available
from: .
Access on: 25 july 2017

BRASIL. MINISTÉRIO DA PESCA E AGRICULTURA 2014 Produção pesqueira e aquícola. Brasília: MPA. Available from: . Access on: 5 nov. 2016.

BURDA, C.L.; SCHIAVETTI, A. 2008 Análise ecológica da pesca artesanal em quatro comunidades pesqueiras da costa de Itacaré, Bahia, Brasil: subsídios para a gestão territorial. Revista Gestão Costeira Integrada, 8(2): 149-168. http://dx.doi.org/10.5894/rgci136.

CHAVES, P.T.; ROBERT, M.C. 2003 Embarcações, artes e procedimentos da pesca artesanal no litoral sul do estado do Paraná, Brasil. Atlantica, 25(1): 53-59.

CLAUZET, M.; RAMIRES, M.; BEGOSSI, A. 2007 Etnoictiologia dos pescadores artesanais da praia de Guaibim, Valença (BA), Brasil. Neotropical Biologyand Conservation, 2(3): 136-154.

COSTA-NETO, E.M.; MARQUES, J.G.W. 2001 Atividades de pesca desenvolvidas por pescadores da comunidade de Siribinha, município de Conde, Bahia: Uma abordagem etnoecológica. Sitientibus, 1(1): 71-78.

COTRIM, D.S. 2008 Agroecologia, sustentabilidade e os pescadores artesanais: O caso de Tramandaí (RS). Porto Alegre. 197f. (Dissertação de Mestrado em Desenvolvimento Rural. UFRGS). Available from: . Access on: 20 jan. 2017.

DAVID, G.S.; CAMPANHA, P.M.G.C.; MARUYAMA, L.S.; CARVALHO, E.D. 2016 Artes de pesca artesanal nos reservatórios de Barra Bonita e Bariri: monitoramento pesqueiro na bacia do médio rio Tietê. Boletim do Instituto de Pesca, 42(1): 29-49. http://dx.doi.org/10.20950/1678.2305.2016v42n1p29.

DIEGUES, A.C.; ARRUDA, R.S.V. (Org.) 2001 Saberes tradicionais e biodiversidade no Brasil, Brasília: Ministério do Meio Ambiente, Biodiversidade. v.4. 211p.

DOMINGUEZ, P.S.; ZEINEDDINE, G.C.; ROTUNDO, M.M.; BARRELLA, W.; RAMIRES, M. 2016 A pesca artesanal no arquipélago de Fernando de Noronha (PE). Boletim do Instituto de Pesca, 42(1): 241-251. http://dx.doi.org/10.20950/1678-2305.2016v42n1p246.

DOMINGUEZ, P.S.; ZEINEDDINE, G.C.; ROTUNDO, M.M.; BARRELLA, W.; RAMIRES, M. 2016 A pesca artesanal no arquipélago de Fernando de Noronha (PE). Boletim do Instituto de Pesca, 42(1): 241-251. http://dx.doi.org/10.20950/1678-2305.2016v42n1p246.

FIGUEIREDO, G.M.; LEITAO-FILHO, H.F.; BEGOSSI, A. 1997 Ethnobotany of Atlantic Forest Coastal Communities: II. Diversity of Plant Uses at Sepetiba Bay (SE Brazil). Human Ecology, 25(2): 353-360. http://dx.doi.org/10.1023/A:1021934408466.

FLEXA, C.E.; SILVA, K.C.A.; CINTRA, I.H.A. 2016 pescadores artesanais à jusante da usina hidrelétrica de Tucuruí, Amazônia, Brasil. Boletim do Instituto de Pesca, 42(1): 221-235. http://dx.doi.org/10.20950/1678-2305.2016v42n1p221.

FONSECA-KRUEL, V.S.; PEIXOTO, A.L. 2004 Etnobotânica na Reserva Extrativista Marinha de Arraial do Cabo, RJ, Brasil. Acta Botanica Brasílica, 18(1): 177-190. http://dx.doi.org/10.1590/S0102-33062004000100015

FREITAS NETTO, R.; NUNES, A.G.A.; ALBINO, J. 2002 A pesca realizada na comunidade de pescadores artesanais de Santa Cruz/ES – Brasil. Boletim do Instituto de Pesca, 28(1): 93-100.

FREITAS, R.R.; REIS, V.L.; APEL, M. 2010 Governança de Recursos Pesqueiros na Bacia do Rio Acre com Ênfase na Tríplice Fronteira (Brasil, Peru e Bolívia). In: ENCONTRO NACIONAL DA ASSOCIAÇÃO NACIONAL DE PESQUISA E PÓS-GRADUAÇÃO EM AMBIENTE E SOCIEDADE, Florianópolis, 2010. Anais... Florianópolis: ANPPAS.

FROESE, R.; PAULY, D., editors. 2017 FishBase. Versão 06/2017. [online] URL: .

GARCEZ, D.S.; SÁNCHEZ-BOTERO, J.I. 2005 Comunidades de pescadores artesanais no estado do Rio Grande do Sul, Brasil. Atlantica, 27(1): 17-29.

HAMMER, Ø.; HARPER, D.A.T.; RYAN, P.D. 2001 PAST: Paleontological statistical software package for education and data analysis. Palaeontologia Electronica, 4(1): 1-9.

HARAYASHIKI, C.A.Y.; FURLAN, F.M.; VIEIRA, J.P. 2011 Perfil sócioeconômico dos pescadores da Ponte dos Franceses, Rio Grande, RS, Brasil. Boletim do Instituto de Pesca, 37(1): 93-101.

IBGE – Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística 2016 [online] URL: &search=piaui|miguel-alves>.

INONATA, S.O.; FREITAS, C.E.C. 2015 Caracterização da frota pesqueira de Coari, Médio Rio Solimões (Amazonas-Brasil). Revista Agrogeoambiental, 3(1): 65-70.

KNOX, W.; FIRME, R. M. 2016 Mulheres na atividade pesqueira no Espírito Santo. Revista Gênero, 16(2): 219-235.

LESSA, R.; SALES, L.; COIMBRA, M.R.; GUEDES, D.; VASKE-JUNIOR.,T. 1998 Análise dos desembarques da pesca de Fernando de Noronha(Brasil). Arquivo de Ciências do Mar, 31(1): 47-56.

LIMA, B.B.; VELASCO, G. 2012 Estudo piloto sobre o Autoconsumo de pescado entre pescadores artesanais do estuário da Lagoa dos Patos, RS, Brasil. Boletim do Instituto de Pesca, 38(4): 357-367.

MAGURRAN, A.E. 1988 Ecological diversity and its measurement. New Jersey: Princeton University Press. 179p.

MAIA, I.S.; OLIVEIRA NETO, J.T. 2012 Estudo de viabilidade econômica e gestão democrática de empreendimentos populares: o caso das marisqueiras do semiárido potiguar. Vivência: Revista de Antropologia, 40(6): 7-79.

MASSENA, F.S.; RAMOS, F.L.; MIROTTI, P.I.; TREVIZAN, S.D.P.; WIBELINGER, L.M. 2014 Etnoictiologia dos Pescadores artesanais da Vila Cachoeira. Ilhéus/BA. Revista Brasileira de Engenharia de Pesca, 7(1): 33-44.

MEIRELES, V.J.S. 2012 Etnobotânica e etnozoologia da comunidade pesqueira Canárias, reserva extrativista marinha do Delta do Parnaíba, Nordeste do Brasil. Teresina, 160f. (Dissertação de Mestrado. Programa de Pós graduação em Desenvolvimento e Meio Ambiente, UFPI). Available
from: . Access on: 20 jan. 2017.

MERÉTIKA, A.H.C.; PERONI, N.; HANAZAKI, N. 2010 Local knowledge of medicinal plants in three artisanal fishing communities (Itapoá, Southern Brazil), according to gender, age, and urbanization. Acta Botanica Brasílica,24(2): 386-394. http://dx.doi.org/10.1590/S0102-33062010000200009.

MOTTA-MAUÉS, M.A. 1993 Trabalhadeiras e camaradas: relações de gênero, simbolismo e ritualização numa comunidade amazônica, Belém: Editora Universitária/UFPA.

MUEHE, D.; GARCEZ, D.S.A. 2005 Plataforma Continental Brasileira e sua
relação com a Zona Costeira e a Pesca. Revista Mercator, 4(8): 69-88.

NASCIMENTO, M.G.P. 2014 Etnobotânica e Etnozoologia em Comunidades Pesqueiras de Parnaíba e Cajueiro da Praia, Piauí. Teresina. 155f. (Dissertação de Mestrado. Programa de Pós-graduação em Desenvolvimento e Meio Ambiente, UFPI). Available from: .Access on: 23 mar. 2017.

NOVAES, J.L.C.; CARVALHO, E.D. 2013 Analysis of artisanal fisheries in two reservoirs of the upper Paraná River basin (Southeastern Brazil). Neotropical Ichthyology, 11(2): 403-412. http://dx.doi.org/10.1590/S1679-62252013005000002.

NOVAES, J.L.C.; FREIRE, A.E.; AMORIM, R.A.; COSTA, R.S. 2015 Diagnóstico da pesca artesanal em um reservatório do semiárido brasileiro. Boletim do Instituto de Pesca, 41(1): 31-42.

NOVAES, J.L.C.A.; CARVALHO, E.D.B. 2011 Artisanal fisheries in a Brazilian hypereutrophic reservoir: Barra Bonita Reservoir, Middle Tietê River. Brazilian Journal of Biology = Revista Brasileira de Biologia, 71(4):821-832. http://dx.doi.org/10.1590/S1519-69842011000500003.

PÉREZ, M.S.; GÓMEZ, J.R.M. 2014 Políticas de desenvolvimento da pesca e aquicultura: conflitos e resistências nos territórios dos pescadores e pescadoras artesanais da vila do Superagüi, Paraná, Brasil. Sociedade & Natureza, 26(1): 37-47. http://dx.doi.org/10.1590/1982-451320140103.

PINHEIRO, H.T.; JOYEUX, J.-C. 2007 Pescarias multi-específicas na região da foz do rio doce, ES, Brasil: características, problemas e opções para um futuro sustentável. Brazilian Jornal Aquatic Science and Technology,11(2): 15-23. http://dx.doi.org/10.14210/bjast.v11n2.p15-23.

PINTO, M.F.; MOURÃO, J.S.; ALVES, R.R.N. 2015 Use of ichthyofauna by artisanal fishermen at two protected areas along the coast of Northeast Brazil. Journal of Ethnobiology and Ethnomedicine, 11: 20. PMid:25888941.

RAMIRES, M.; CLAUZET, M.; ROTUNDO. M.M.; BEGOSSI, A. 2012 A pesca e os pescadores artesanais de Ilhabela (SP), Brasil. Boletim do Instituto de Pesca, 38(3): 231-246.

ROSÁRIO J.J. 2010 Cultura, educação e sustentabilidade: práticas da vida da mulher trabalhadora da Maré. Revista Espaço Livre, 5(10): 5-17.

ROSSATO, S.C.; LEITÃO-FILHO, H.G.F.; BEGOSSI, A. 1999 Ethnobotany of caiçaras of the Atlantic Forest coast (Brazil). Economic Botany, 53(4): 377-385. http://dx.doi.org/10.1007/BF02866716.

SANTOS, A.C.L.; BITTENCOURT, C.F.; FILHO, R.J.P.A.; OLIVEIRA, P.G.V.2014 Caracterização da pesca e perfil socioeconômico do pescador que atua sobre as Pontes do Recife, PE. Boletim do Instituto de Pesca,40(2): 291-298.

SANTOS, K.P.P.; SOARES, R.R.; BARROS, R.F.M. 2015 Atividade pesqueira e construção de embarcações na colônia de Pescadores Z-18 do Município de União/PI, Brasil. Holos, 31(6): 90-106. http://dx.doi.org/10.15628/holos.2015.3205.

SANTOS, L.O.; CATTANI, A.P.; SPACH, H.L. 2016 Ictiofauna acompanhante da pesca de arrasto para embarcações acima de 45 hp no litoral do Paraná, Brasil. Boletim do Instituto de Pesca, 42(4): 816-830. http://dx.doi.org/10.20950/1678-2305.2016v42n4p816.

SANTOS, T.J.P. 2016 Mulher e pesca artesanal: uma análise da participação das pescadoras de Belo Jardim – PE para o desenvolvimento local na colônia z-28. Revista Ouricuri, 6(1): 14-26.

SAZIMA, I.; KRAJEWSKI, J.P.; BONALDO, R.; SAZIMA, C. 2013 A vida dos peixes em Fernando de Noronha. Campinas: Terra da Gente. 275p.

SILVA, M.B.; SILVA, K.C.A.; HERRMANN, M.; ARAÚJO, M.V.L.F.; CINTRA, H.A. 2014 Mulheres pescadoras de Camarão- da- Amazônia a Jusante da Usina Hidrelétrica de Tucuruí, Amazônia, Brasil. Revista Brasileira de Engenharia de Pesca, 7(2): 15-33.

SILVA-GONÇALVES, R.S.; D’INCAO, F. 2016 Perfil socioeconômico e laboral dos pescadores artesanais de camarão-rosa no complexo Estuarino de Tramandaí (RS), Brasil. Boletim do Instituto de Pesca, 42(2): 387-401.http://dx.doi.org/10.20950/1678-2305.2016v42n1p387.

SILVANO, R.A.M. 1997 Ecologia de três comunidades de pescadores do rio Piracicaba (SP). Campinas. 147f. (Dissertação de Mestrado em Ecologia. Instituto de Biologia, UNICAMP). Available from: . Access
on: 20 nov. 2016.

SOUSA, R.S. 2010 Etnobotânica e Etnozoologia de Comunidades Pesqueiras da Área de Proteção Ambiental (APA) do Delta do Parnaiba, Nordeste do Brasil. Teresina. 176f. (Dissertação Mestrado. Programa de Pósgraduação em Desenvolvimento e Meio Ambiente, UFPI). Available
from: files/Dissert_Rosemary_Silva_Sousa.pdf.pdf>. Access on: 10 jan. 2017.

SOUSA, R.S.; HANAZAKI, N; LOPES, J.B.; BARROS, R.F.M. 2012 Are gender and age important in understanding the distribution of local botanical knowledge in fishing Communities of the Parnaíba Delta Environmental Protection Area? Ethnobotany Research & Applications, 10: 551-556.

SPARRE, P.; VENEMA, S.C. 1997 Introdução à avaliação de mananciais de peixes tropicais. Rome: FAO. 404p. (FAO Documento Técnico sobre as pescas).

VASCONCELLOS, M.; DIEGUES, A.C.; KALIKOSKI, D.C. 2011 Coastal fisheries of Brazil. In: SALAS, S.; CHUENPAGDEE, R.; CHARLES, A.; SEIJO, J.C. Coastal fisheries of Latin America and the Caribbean. Rome: FAO. p. 73-116. (FAO Fisheries and Aquaculture Technical Paper, 544).

VASCONCELOS, E.M.S.; OLIVEIRA, J.E.L.; MATOS, J.A.; JÚNIOR, W.; TAVARES, M.M. 2003 Perfil socioeconômico dos produtores da pesca artesanal marítima do estado do Rio Grande do Norte. Boletim Técnico Cientifico, 11(1): 277-292.

VASKE-JUNIOR, T.; LESSA, R.P.T.; RIBEIRO, A.B.C.; NÓBREGA, M.F.; PEREIRA, A.A.; ANDRADE, C.D.P. 2008 A pesca comercial de peixes pelágicos no Arquipélago de São Pedro e São Paulo, Brasil. Tropical Oceanography, 36(1-2): 47-54.

WALTER, T. 2000 Ecologia da pesca artesanal no lago Paranoá – Brasília –DF. São Carlos. 227f. (Dissertação de Mestrado. USP). Available from:. Access on: 23 mar 2017.

ZACARDI, D.M. 2015 Aspectos sociais e técnicos da atividade pesqueira realizada no Rio Tracajatuba, Amapá, Brasil. Acta of Fisheries and Aquatic Resources, 3(2): 31-48.

ZACARDI, D.M.; PONTE, S.C.S.; SILVA, A.J.S. 2014 Caracterização da pesca e perfil dos pescadores artesanais de uma comunidade às margens do rio Tapajós, Pará. Amazônia, Ciência e Desenvolvimento, 10(19): 129-148.

ZAR, J.H. 1999 Biostatistical analysis. New Jersey: Prentice Hall. 663p.
Published
2018-12-16
How to Cite
SANTOS, Kelly Polyana Pereira et al. Fishing practices and ethnoichthyological knowledge in the fishing community of Miguel Alves, Piauí, Brazil. Boletim do Instituto de Pesca, [S.l.], v. 44, n. 1, p. 25-34, dec. 2018. ISSN 1678-2305. Available at: <https://www.pesca.sp.gov.br/boletim/index.php/bip/article/view/1275>. Date accessed: 25 may 2022. doi: https://doi.org/10.20950/1678-2305.2018.272.