Traditional and scientific knowledge of the Saco do Arraial, Patos Lagoon (RS)

  • Gustavo Goulart Moreira MOURA Oceanólogo, doutorando em Ciência Ambiental pelo PROCAM-USP, coordenador do Grupo de Pesquisa sobre Pesca (GPP) do Núcleo de Pesquisa e Apoio a Populações de Áreas Úmidas do Brasil (NUPAUB-USP)
  • Antônio Carlos Sant'Ana DIEGUES Diretor científico do Núcleo de Pesquisa e Apoio a Populações de Áreas Úmidas do Brasil (NUPAUB-USP)

Abstract

Ethno-sciences study the logic behind the traditional population knowledge about environmental process. This case study aims at describing the ethno-knowledge of artisanal fishermen on the hydrodynamics of the estuary around Coreia community (Saco do Arraial), located in Dos Patos Lagoon, in southern Brazil, from an ethno-oceanographic perspective. For this purpose, mental maps, open-ended and in-depth semi-structured interviewing and participative research have been used. As well as scientific knowledge, rains and winds were had main hydrodynamic effort of “Saco do Arraial”, although astronomic influence in located hydrodynamic has been just a perception of traditional knowledge. Soon, these data have shown another important way to perceive the Patos Lagoon.

References

ACHESON, J.A. e WILSON, J.A. 1996 Order out of chaos: the case for parametric fisheries management. American Anthropologist,Arlington, 98(3): 579-94.

BAILEY, K.D. 1982 Methods of social research. New York: The Free Press. 2ª Ed., 544p.

BONILHA, L.E. e ASMUS, M.L. 1994 Modelo ecológico do fitoplâncton e do zooplâncton do estuário da Lagoa dos Patos, RS. Publicação da Academia de Ciências do Estado de São Paulo, São Paulo, 87 (1): 347-362.

CASTELÃO, R M.e MÖLLER JR., O.O. 2003 Sobre a circulação tridimensional forçada por ventos na Lagoa dos Patos. Atlântica, Rio Grande, 25(2): 91-106.

CHERBELE, R. 2000 Estudo das alterações dinâmicas ocorridas no estuário da Lagoa dos Patos, RS, após a implantação dos molhes da Barra de Rio Grande. 79p. (Trabalho para a obtenção do título de Bacharel em oceanologia, com habilitação em
Gerenciamento Ambiental. Departamento de Oceanologia, Fundação Universidade Federal do Rio Grande).

COSTA, R.L. 2005 Estudo da influência da obra de convergência dos molhes da Barra de Rio Grande sobre a circulação hidrodinâmica do estuário da Lagoa dos Patos. Rio Grande. 93p. (Trabalho para a obtenção do título de Bacharel em oceanologia. Departamento de Oceanologia, Fundação Universidade Federal do Rio Grande).

CUNHA, L.H., ROUGEULLE, M. 1989 Comunidades litorâneas e unidades de proteção
ambiental: convivência e conflitos; estudo de caso 2: o caso de Guaraqueçaba (PR). São Paulo: NUPAUB – USP. (Série: estudos de caso). 55p.

DIEGUES, A.C. 2003 A interdisciplinaridade no estudo do mar: o papel das ciências sociais. In:CONFERÊNCIA PROFERIDA NA SEMANA NACIONAL DE OCEANOGRAFIA, 15., SãoPaulo. Disponível em: http://www.usp.br/nupaub/interdis.pdf Acesso em: 16 fev. 2008.

DIEGUES, A.C. 2004 O mito moderno da natureza intocada. 3ª ed. São Paulo: Ed. Hucitec. 161p.

EVANS-PRITCHARD, E.E. 2007 Os Nuer: uma descrição do modo de subsistência e das
instituições políticas de um povo nilota. 2a ed. São Paulo: Ed. Perspectiva. 278p.

FERNANDEZ, E.H.L., DYER, K.R., MÖLLER,O.O., NIENCHESKI, L.F.H. 2002 The Patos
Lagoon hydrodynamics during El Niño event (1998). Continental Shelf Research, Amsterdam,22: 1699-1713.

GARCIA, C.A.E. 1998 Características hidrográficas. In: SEELIGER, U;ODEBRECHT, C.; CASTELLO, J.P. (eds). Os ecossistemas costeiro e marinho dos extremo sul do Brasil. Rio Grande: Ecoscientia. p.18-21.

GEERTZ, C. 1989 A interpretação das culturas. Rio de Janeiro: LTC Editora. 213p.

GERALDI, R.M. 1997 Características estruturais da assembléia de invertebrados bentônicos em fundos vegetados e não vegetados numa enseada estuarina da Lagoa dos Patos. Rio Grande (RS). 95p. (Dissertação de Mestrado em Oceanografia
Biológica. Departamento de Oceanografia, Fundação Universidade do Rio Grande).

GIORDANO, P.B. 2008 Modelagem hidrodinâmica do Saco do Arraial, estuário da Lagoa dos Patos, RS. Rio Grande (RS). 100p. (Dissertação de Mestrado em Oceanografia Física, Química e Geológica. Departamento de Oceanografia,
Fundação Universidade do Rio Grande).

GIORDANO, P.B.; MARQUES, W.C.;MONTEIRO, I.O.; FERNANDEZ, E.H. 2005
Hidrodinâmica 3D das enseadas rasas do estuário da Lagoa dos Patos a partir da
modelagem numérica. In: OMARSAT: SEMINÁRIO SOBRE ONDAS E MARÉS,
ENGENHARIA OCEÂNICA E OCEANOGRAFIA POR SATÉLITE, 5.,Arraial do Cabo, 2005. Anais I... Arraial do Cabo: OmarSat. 1 CD-ROM.

GIORDANO, P.B.; MARQUES, W.C.; MONTEIRO, I.O.; FERNANDEZ, E.H. 2007 Influência da descarga fluvial na circulação das áreas rasas do estuário da Lagoa dos Patos (RS). In: OMARSAT: SEMINÁRIO SOBRE ONDAS E MARÉS, ENGENHARIA OCEÂNICA E OCEANOGRAFIA POR SATÉLITE, 6., Arraial do Cabo. Anais VII...Arraial do Cabo: OmarSat. 1 CD-ROM.

HERZ, R. 1977 Circulação das águas de superfície da Lagoa dos Patos. São Paulo. 340p. (Tese de Doutoramento. Faculdade de Filosofia, Letras e Ciências Humanas, Universidade de São Paulo).

KALIKOSKI, D.C. e VASCONCELLOS, M. 2005 Fisheries knowledge role in the management of artisanal fisheries in the estuary of Patos Lagoon, southern Brazil. In: HAGGAN, N., NEIS, B., BAIRD, I. G. (eds.). Fisheries knowledge in fisheries management. Indigenous, artisanal & industrial. Oxford: Blackwell Science. p.445-455.

KALIKOSKI, D.C. e VASCONCELLOS, M. 2006 The role of fisheries knowledge in the comanagement of small-scale fisheries in the estuary of Patos Lagoon, southern Brazil. In: UNESCO. Fishers’ knowledge in fisheries science and management. Oxford: Blackwell Science.p.287-310.

KJERFVE, B. 1986 Comparative oceanography of coastal lagoons. In: WOLFE, D.A. (ed.). Estuarine Variability. New York: Academic Press. p.63-81.

MALAVAL, M.B. 1922 Travaux du port et des la barre de Rio Grande, Bresil. Paris: Eirolles editeurs. 300p.

MARQUES, J.G.W. 1991 Aspectos ecológicos na etnoictiologia dos pescadores do complexo estuarinolagunar Mundaú-Manguaba, AL. Campinas.297p. (Tese de Doutoramento em Ecologia, Universidade Estadual de Campinas).

MARQUES, J.G.W. 2001 Pescando pescadores:Ciência e etnociência em uma perspectiva ecológica. 2ª ed. São Paulo: Núcleo de Apoio à Pesquisa sobre Populações Humanas e Áreas Húmidas Brasileiras, USP. 258p.

MEHTA, A.J. 1990 Significance of bay superelevation in measurements of sea level
changes. Journal of Coastal Research, Florida, 6:801-813.

MIRANDA, L.B.; CASTRO, B.M.; KJERFVE, B. 2002 Princípios de oceanografia física de estuários.São Paulo: EDUSP. 424p.

MONTEIRO, I.O.; PEARSON, M.L.; MÖLLER,O.O.; FERNANDEZ, E.H.L. 2005
Hidrodinâmica do Saco da Mangueira: mecanismos que controlam as trocas com o
estuário da Lagoa dos Patos. Atlântica, Rio Grande, 27(2): 87-101.

MÖLLER, O.O.; LORENZZETTI, J.A.; STECH,J.L.; MATTA, M.M. 1996 The Patos Lagoon
summertime circulation and dynamics. Continental Shelf Research, Amsterdam, 16(3):335-51.

MÖOLER, O.O.; CASTAING, P. 1999 Hydrographical characteristics of the
estuarine area of Patos Lagoon (30ºS, Brazil).In: PERILLO, G.M.E.; PICCOLO, M.C.; PINOQUIVIRA, M. (eds.). Estuaries of South America: their geomorphology and dynamics. Berlim (Germany): Springer. p.83-100.

MÖOLER, O. O.; CASTAING, P.; SALOMON,J.C.; LAZURE, P. 2001 The influence of local
and non-local forcing effects on the subtidal circulation of Patos Lagoon. Estuaries, New York, 24(2): 297-311.

MOURA, G. 2009 Águas da Coréia: pescadores,espaço e tempo na construção de um território de pesca na Lagoa dos Patos (RS) numa perspectiva etnooceanográfica. São Paulo (SP). 249p.(Dissertação de Mestrado em Ciência Ambiental. Interunidades, Universidade de São Paulo).

MOURA, G.; DIEGUES, A.C. 2007 Waters from Coreia: ethno-oceanographic study. In:
INTERNATIONAL CONFERENCE OF THE SOCIETY FOR HUMAN ECOLOGY, 15., Rio
de Janeiro, outubro 2007. Anais eletrônicos... Disponível em: http://www.societyfor
humanecology.org/ORAL%20SESSIONS%20 %20PROGRAM%20Sept.29A.htm. Acesso em: 14 nov. 2008.

MOURA, G. e DIEGUES, A.C. 2008 As águas de um território tradicional: a hidrodinâmica do “Nosso mar” segundo o homem coreano. In:
CONGRESSO BRASILEIRO DE OCEANOGRAFIA, 3; CONGRESSO IBEROAMERICANO DE OCEANOGRAFIA, 1., Fortaleza, 2008. Anais eletrônicos... Disponível em:http://www.scribd.com/doc/2963669/A presentacoes-Orais. Acesso em: 14 nov. 2004.

PIETRAFESA DE GODOI, E. 1999 O trabalho da memória: cotidiano e história no sertão do Piauí.Campinas (SP): Editora da Unicamp. 65p.

POSEY, D.A. 2001 Interpretando e usando a “realidade” dos conceitos indígenas: o que é preciso aprender dos nativos?. In: DIEGUES,A.C. e MOREIRA, A.C (orgs.). Espaço e recursos naturais de uso comum. São Paulo:NUPAUB/USP. p.279-294.

RIO GRANDE DO SUL 1941 Enchente de maio de 1941, modelo 121. Rio Grande: Diretoria de Obras do Porto e Barra do Rio Grande.Secretaria de Estado dos Negócios das Obras Públicas do Estado do Rio Grande do Sul.Acervo da Biblioteca Rio Grandense. 122p.

RUDDLE, K. 2000 Systems of knowledge: dialogue, relationships and process. In:
BEGOSSI, A. e HENS, L. (eds.). Environmnent, development and sustainability: a
multidisciplinary approach to the theory and practice of sustainable development. Kluwer Academic Publishers, 2(3-4): 277-304.

SCHWARTZAND, M. e SCHWARTZ, C.G. 1955 Problems in participant observation. American journal of sociology, Chicago, 60(4): 343-353.

VASCONCELLOS, M.; DIEGUES, A.C.; SALES, R.R. 2007 Limites e possibilidades na gestão da pesca artesanal costeira. In: COSTA, A.L.Nas redes da pesca artesanal. Brasília: IBAMA.p.15-83.

VIERTLER, R.B. 2002 Métodos antropológicos como ferramenta para estudos em
etnobiologia e etnoecologia. In: AMOROZO, M.C.; MING, L.C.; SILVA, S.M.P. (eds.).
Métodos de coleta e análise de dados em etnobiologia, etnoecologia e disciplinas correlatas.Rio Claro: Ed. Unesp. p. 11-30.
Published
2018-11-06
How to Cite
MOURA, Gustavo Goulart Moreira; DIEGUES, Antônio Carlos Sant'Ana. Traditional and scientific knowledge of the Saco do Arraial, Patos Lagoon (RS). Boletim do Instituto de Pesca, [S.l.], v. 35, n. 3, p. 359 - 372, nov. 2018. ISSN 1678-2305. Available at: <https://www.pesca.sp.gov.br/boletim/index.php/bip/article/view/866>. Date accessed: 25 may 2022.