Siga-nos  
                                                       Cidadão SP    /governosp    Dúvidas Frequentes
Aconteceu em 2020: Bagres foram resgatados na capital de São Paulo após enchente

Segundo especialistas, os bagres são de uma espécie africana. Foto: Aeroclube de São Paulo/divulgação

São Paulo registrou o segundo dia mais chuvoso de sua história no dia 10 de fevereiro deste ano. A capital paulista viu pontos importantes, como a Companhia de Entrepostos e Armazéns Gerais de São Paulo (Ceagesp), alagarem. No dia 11, quando a água baixou, pesquisadores do Instituto de Pesca tiveram uma surpresa: quatro bagres da espécie clarias gariepinus foram encontrados no Aeroclube de São Paulo.

O pesquisador Gianmarco Silva Dias explicou, na ocasião, que os bagres são de uma espécie originada da África, assim como a tilápia, que requerem legislação ambiental e cuidados específicos. Eles têm alta taxa de crescimento (comprimento médio adulto de 1 m a 1,7 m e peso de até 60 kg), sendo considerados excelentes para a aquicultura. São animais com hábitos noturnos que vivem em lagos de água doce, rios e pântanos; com criação considerada extremamente rústica, por captar o oxigênio do ar. Encontrar esses animais no pátio do aeroclube permanece uma incógnita.

O resgate
No dia 11, os diretores do Instituto de Pesca e do Aeroclube se organizaram para que os animais fossem transportados para o aquário do Instituto de Pesca, localizado no Parque da Água Branca, zona oeste da cidade. No dia seguinte com o escoamento das águas, mais dois peixes da mesma espécie foram resgatados; infelizmente, um deles não resistiu.

Os quatro sobreviventes foram colocados em quarentena, sob tratamento adequado do instituto.

Fonte: Canal Rural, 18 dezembro 2020 (https://www.canalrural.com.br/noticias/aconteceu-bagres/

Crianças podem visitar Planeta Inseto e Museu da Pesca pela internet